Quarta, 27 de Agosto de 2014
   
Fonte

Com ressalva, vereadores aprovam empréstimo financeiro junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), no valor de R$ 5 milhões para implantação do PMAT - Programa de Modernização da Administração Tributária.

Depois de explanações contrárias e favoráveis a Câmara isabelense aprovou por nove votos a cinco, na sessão da última terça-feira (19), o Projeto de Lei Complementar nº 04 apresentado pelo Executivo que autoriza o Prefeito Gabriel Bina a contrair empréstimo bancário.

De acordo com o projeto, os recursos resultantes do financiamento serão obrigatoriamente aplicados na execução do Programa de Modernização da Administração Tributária e da Gestão dos Setores Sociais Básicos, do BNDES.


Através de ações de cidadania, vereador incentiva a participação popular através de Audiência Pública e atinge mais de duas mil assinaturas em abaixo assinado. Mesmo com a aprovação do Projeto de Lei nº 04 que autoriza a contratação do PMAT através de empréstimo de até R$5 milhões com o BNDES, o presidente do Legislativo isabelense Luizão Arquiteto (PR) faz balanço positivo de suas ações populares.

O vereador republicano se mostrou contra o projeto desde sua apresentação, daí em diante começou a maratona para explicar a população que a administração tem outras prioridades urgentes a serem resolvidas antes de comprometer o erário público com uma dívida, considerada por ele desnecessária.


“Um dia na escola do meu filho” faz parte do calendário da Secretaria da Educação e aproximam responsáveis e unidade de ensino; todas as 5 mil escolas participam do projeto.

Neste sábado, dia 23, todas as 5 mil unidades de ensino da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo promovem a mega reunião “Um dia na escola do meu filho”. O encontro, que acontece duas vezes por ano, reúne pais, professores e diretores para debater o desempenho de crianças e jovens e traçar estratégias para aprimorar a aprendizagem.

Desta vez, o principal foco das conversas é o estímulo à leitura dentre e fora da escola. Para isso, as equipe pedagógicas vão apresentar aos responsáveis o projeto “Histórias e Lendas que nos encantam”, criado para fortalecer o hábito e entreter os estudantes desde o primeiro ciclo do Ensino Fundamental. Tradições e lendas brasileiras foram escolhidas para inspirar as histórias.


O Departamento de Fiscalização da Prefeitura de Arujá autuou uma empresa de consultoria de planos odontológicos por publicidade irregular, por meio de afixação de cartazes em poste de via pública, na última terça-feira, 19 de agosto. A atividade, que descumpre a lei 1.176/1996, rendeu multa de 500 Unidades Fiscais do Município de Arujá (UFMA).

“Fomos acionados por uma equipe do Departamento de Trânsito que viu um homem colando os cartazes em postes da Avenida Antônio Afonso de Lima. Eles o abordaram e quando nós chegamos, fizemos a apreensão do material e constatamos a irregularidade. Na sequência, fizemos contato telefônico com o responsável pela publicidade da empresa de odontologia, colhemos os dados, o endereço e o informamos que seria emitida a multa”, afirmou o fiscal Gilvan Coutinho Bonfim.


A Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Arujá, em parceria com o Sebrae-SP, está promovendo a IV edição da Semana do Empreendedor, que será realizada de 8 a 11 de setembro. As inscrições estão abertas e podem ser feitas pelo telefone 4655 4500 ou pelo e-mail Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. .

Durante os quatro dias de atividades, serão oferecidos atendimentos especializados e palestras, visando estimular o empreendedorismo e desenvolver a economia local, com capacitação e informação para a melhoria da gestão empresarial. O evento será realizado no Espaço Empreendedor, na Rua Adhemar de Barros, 60, Centro.

Principal atividade da Semana, o Fórum de Desenvolvimento Sustentável será realizado no dia 10 de setembro e trará discussões sobre temas ambientais, reformulação da lei de zoneamento e economia verde.


A Secretaria de Assistência Social de Arujá alerta aos beneficiários do Bolsa Família sobre as supostas tentativas de golpes aplicadas ao telefone por pessoas que se passam por servidores públicos com o objetivo obter informações e dados pessoais de cidadãos em troca do cadastramento ou da oferta de liberação do benefício do programa.

A Secretaria esclarece que em hipótese alguma os servidores municipais solicitam informações às pessoas cadastradas ou não no programa. Salienta ainda que a atualização cadastral é um processo constante, realizado a cada doze meses, baseado em diversas diretrizes.


Usuárias do transporte público de Arujá poderão escolher local mais seguro para desembarque quando utilizarem os coletivos no período noturno.  O projeto de lei, de autoria do vereador Wilson Ferreira da Silva (PSB), o Dr. Wilson, foi sancionado pelo prefeito Abel Larini (PR) e permitirá às mulheres descerem fora dos pontos de ônibus após às 21h. A Lei 2640/2014 entrará em vigor a partir de 1º de setembro.

Para garantir a aplicação da medida, a Lei também prevê que as empresas de transporte fiquem dispensadas de obedecer aos lugares de parada obrigatória, quando houver solicitação, desde que o trajeto não seja alterado, e façam a divulgação da medida dentro dos ônibus.

“A violência atinge aos mais vulneráveis e em Arujá não é diferente. Várias são as notícias de mulheres seguidas e até atacadas no horário noturno quando chegam do trabalho ou da escola”, explica o vereador. Segundo ele, a situação se agrava diante da falta de uma política de segurança pública local e de iluminação em alguns pontos da cidade. “Mas a lei, acredito, poderá minimizar os riscos de violência contra as mulheres”, pondera.


O prefeito Abel Larini recebeu na última semana a visita de técnicos da Galvão Engenharia, empresa vencedora do processo licitatório para duplicação e melhorias na Rodovia Mogi-Dutra (SP-88), entre os quilômetros 32 e 39,4, no trecho de Arujá.  Os serviços vão receber investimento de R$ 144 milhões. A estimativa é que o contrato seja assinado em 60 dias.

Os trabalhos na rodovia, que incluem a elaboração do projeto executivo e a construção de quatro passarelas para pedestres, nos km 33, 35, 37 e 38, vão durar 24 meses. Segundo o gerente de contratos da empresa, Vitor Hugo de Oliveira, o objetivo do encontro foi conhecer o corpo técnico da administração municipal. “A reunião serviu para termos conhecimento das pessoas que comandam a Prefeitura. Como a gente terá uma grande intervenção na cidade, viemos conhecer o prefeito e os secretários”, afirmou.


R$ 5 MILHÕES: Como antecipamos na última semana, foi aprovado pela Câmara de Santa Isabel, ou melhor, por nove vereadores a autorização para o Prefeito Padre realizar um empréstimo de R$ 5 milhões junto ao BNDES. A FAVOR do empréstimo votaram os vereadores Ti Nagate, Zé da Mula, Jamil, Maurício Platz, Alencar, Roginau Carteiro, Jorge Vidal, Edson Glória e Ademar. CONTRA votaram os vereadores Clebão do Posto, Negavan, Orlando Paixão, Odilon Fernandes e Evaldo Barbosa. O presidente Luizão Arquiteto foi contra, mas só votava em caso de empate.

R$ 5 MILHÕES 1: Não adiantou abaixo assinado com milhares de assinaturas, os argumentos dos cinco vereadores e de grande parte da população que eram contra o empréstimo para modernizar o setor de tributos de Santa Isabel, o discurso era um só; a cidade tem outras prioridades a serem atendidas e o empréstimo é inoportuno. O projeto passou, vereadores, secretários e o Prefeito Padre ficaram felizes, mas a repercussão negativa tomou conta das redes sociais após a sessão. A seguir segue alguns depoimentos sobre a aprovação do empréstimo, e olha que tentamos achar um pronunciamento a favor do Prefeito e dos nove vereadores, mas não achamos.


Lembro como se fosse ontem, janeiro de 2013, primeiro mês de gestão do Prefeito Gabriel Bina, época que o povo ainda o cumprimentava nas ruas parabenizava pela vitória nas eleições e que ainda era a esperança política de Santa Isabel, para fazer a prometida mudança entoada em toda sua campanha.

Janeiro de 2013 também ocorrera a eleição para Presidente da Câmara, onde os habilidosos “políticos da base do Padre Pastor” trabalharam para não colocar o então recém eleito, Clebão do Posto, na cadeira de presidente. Fizeram uma “manobra” e colocou o parceiro de partido, Luizão Arquiteto.

Pois bem. Neste período onde a imprensa estava conhecendo a equipe do novo executivo, criamos uma grande amizade com um dos marqueteiros do Padre, que com criatividade lançou algumas peças publicitárias que hoje servem de chacota e relembram promessas e apoios de campanha. Quem não se lembra da caixinha verde dizendo que o 43 de Padre Gabriel era a solução para saúde e dos médicos de papelão que estavam espalhados pela cidade reafirmando o apoio ao então candidato da “fé na mudança”.


Pesquisar no site

Jornal Agora News - Virtual

Banner

Previsão do Tempo

Cambio

Login