Segunda, 21 de Abril de 2014
   
Fonte

Um governo ineficiente penaliza todo um município, mas moradores de alguns bairros sempre sofrem mais do que os de outros, principalmente os que residem nos bairros mais afastados. Esse sofrimento é vivido, diariamente, pelos cidadãos do bairro Cachoeira, em Santa Isabel. A presença do poder público não é sentida no local e as promessas durante as campanhas eleitorais, onde diziam que as ruas seriam pavimentadas, por exemplo, é lembrada a cada transtorno vivido pelos moradores, decorrente das fortes chuvas, falta de capinação nas vias e iluminação pública precária. 

Conforto é uma condição que não existe para quem espera ônibus na Estrada da Cachoeira, localizado no Bairro Cachoeira. Os usuários do transporte público e escolar dividem espaço com o matagal que toma conta do terreno onde está instalado o ponto, além disso, o cheiro de fezes caninas e lixos tomam conta e empesteiam o ambiente.


Funcionários da Prefeitura de Arujá começaram uma paralisação na última terça-feira (15). De acordo com o Sindicato dos Servidores Municipais de Arujá e Região, dos cerca de 1,2 mil funcionários concursados da Prefeitura cerca de 650 aderiram à paralisação. A Prefeitura estimou que cerca de 700 trabalhadores aderiram à paralisação no início da semana.

De acordo com a secretária geral do sindicato, Ana Paula Moreira Galvão, a administração municipal recebeu uma lista com 13 reivindicações, que foram definidas em assembleia em outubro. As principais delas são reajuste salarial de 15%, aumento da cesta básica de R$ 138 para R$ 312, centro de atendimento médico para funcionários, adicional de risco para guardas municipais e agentes de trânsito, estudo do grau de insalubridade em todos os setores da Prefeitura, adicional de difícil acesso para quem, por exemplo, trabalha em escolas rurais e postos de saúde distantes e equiparação salarial entre professores da educação básica e de educação física. “Antigamente os professores da rede básica poderiam ingressar na rede com nível médio e para ser professor de educação física era preciso ter graduação. Hoje isso mudou. As exigências são as mesmas e a carga horária também, mas há uma diferença salarial de R$ 512”, afirma em nota secretária geral Ana Paula.


Na última semana um Balão com uma grande estrutura metálica e com uma altura superior a 20 metros chamou a atenção de alguns isabelenses que na manhã de quarta-feira (10), se surpreenderam com a movimentação de dezenas de carros e motos, na maioria de São Paulo, indo atrás do local exato onde cairia o imenso balão.

Moradores do bairro do Jardim Eldorado viu uma carreata indo sentido a represa que fica localizado no bairro, mas antes das 9 horas da manhã, o balão mudou de rota e foi em direção a estrada que liga a cidade de Santa Isabel à Igaratá, próximo ao bairro do Ouro Fino.


O prefeito Abel Larini recebeu na tarde da última quinta-feira (17), do governador Geraldo Alckmin, a confirmação de que as obras de duplicação da rodovia Mogi-Dutra (SP-88) terão uma ligação com a Rodovia Presidente Dutra (BR-116). A obra de acesso era um dos pleitos da administração municipal para a solução do trânsito da cidade.

Geraldo Alckmin confirmou a nova intervenção durante o lançamento de obras em Suzano e disse ainda que em maio será lançado o processo licitatório das obras na Mogi-Dutra, o que também incluirá serviços de recuperação da rodovia Ayrton Senna, no acesso à SP-88. O investimento será de R$ 149 milhões.


O dia 21 de junho é a data que marca o começo do inverno, mas a população de Arujá já pode separar as roupas e os cobertores que não são mais usados e doá-los para a Campanha do Agasalho 2014, iniciada na segunda-feira (07/04) pelo Fundo Social de Solidariedade.

Até 31 de maio, as peças podem ser levadas a um dos 50 postos de arrecadação instalados na sede do Fundo Social, na Prefeitura, na Maternidade Municipal e em agências bancárias.

Além de ser um ato solidário, contribuir com a Campanha do Agasalho ajuda a aquecer o inverno de famílias carentes. “Essa é uma ação que, ano após ano, faz a diferença para muitas pessoas. Por isso, pedimos que cidadãos, entidades e empresas participem dessa corrente de solidariedade”, destaca a presidente do Fundo Social, Flora Regina Franco Larini.


O prefeito Abel Larini já sancionou a Lei nº 2.615, que cria o Bilhete Aluno Arujaense. O projeto, de autoria do vereador Gabriel dos Santos, estabelece que o bilhete seja oferecido às crianças matriculadas regularmente no ensino público fundamental da cidade. A ideia é incentivá-las a participar ou continuar participando das diversas atividades oferecidas pela Prefeitura de Arujá.

“Nossa intenção é estimular a participação de crianças e adolescentes que residem nos bairros mais afastados, de forma que também aproveitem os cursos, oficinas e demais atividades que as Secretarias Municipais oferecem. Muitos não participam porque não têm condições de custear o transporte. Por isso, vamos dar esse incentivo, que vai assegurar a locomoção dos nossos jovens”, explica o vereador Gabriel dos Santos.


Câmara aprova projeto de lei que garante vagas exclusivas para transporte escolar em frente às escolas. Diante do risco enfrentado pelas crianças que são embarcadas e desembarcadas em frente às escolas sem qualquer demarcação ou sinalização, foi aprovado na sessão desta última terça-feira, 15/04, o Projeto de Lei nº05 do Vereador Clebão do Posto (PR), que dispõe sobre a criação de vagas de estacionamento exclusivo para veículos de transporte escolar, em frente às creches e estabelecimentos de ensino infantil, fundamental e médio, públicas e particulares de Santa Isabel.


Seminário ‘Santa Isabel, Guardiã das Águas do Paraíba do Sul’ será realizado no próximo dia 25, na Câmara Municipal. A deputada estadual Ana do Carmo (PT) e o vereador Orlando Paixão (PT) realizam seminário para tratar da crise no setor hídrico do estado, no próximo dia 25 na Câmara Municipal de Santa Isabel. O evento debaterá com lideranças políticas da região e moradores propostas para mitigar o cenário de esgotamento do abastecimento de água no Estado de São Paulo.

“Santa Isabel e toda a Bacia Hidrográfica do Rio Paraíba do Sul tem papel fundamental no abastecimento da região. Portanto é de suma importância que a gente faça esse debate. Não podemos achar que o caos no Sistema Cantareira é algo distante. Trata-se de uma situação grave e que atinge a todos, seja agora ou no futuro”, afirmou a deputada estadual Ana do Carmo.


A Campanha Nacional de Vacinação contra gripe (Influenza) será realizada de 22 de abril a 09 de maio, sendo dia 26 a mobilização Nacional. Neste dia, a secretaria de Saúde de Santa Isabel disponibilizará uma atividade “extra-muro”, uma barraca da saúde estará na Praça Fernando Lopes vacinando as pessoas, das 08h ás 17h. Além disso, todas as Unidades de Saúde do município estarão abertas.

O grupo-alvo este ano, além das crianças de 06 meses a menores de 05 anos, inclui os idosos a partir de 60 anos de idade, trabalhadores de saúde, Gestantes, Puérperas (Até 45 dias após o parto), portadores de doenças crônicas, ou com outras condições clínicas especiais, povos indígenas, população e funcionários do sistema prisional.


Esta semana aconteceu a greve dos servidores públicos de Arujá, onde funcionários das secretarias da Saúde, Educação, Assistência Social, entre outras, cruzaram os braços a fim de conquistarem reajustes salariais e outros benefícios.

A paralização aconteceu entre a terça e quarta-feira e surtiu resultado. Não os 15% de reajuste que eram esperados, mas além dos 8,5% conquistados, foi criada a mesa permanente de negociação, um importante canal entre prefeitura e funcionários. Com esse novo recurso, os servidores poderão negociar mensalmente suas necessidades.

Foi graças a mobilização que a administração municipal pode enxergar as reais necessidades da classe trabalhadora e, talvez, se não houvesse braços cruzados, também não haveria olhos nos olhos, mãos na massa e acordos selados.


Pesquisar no site

Jornal Agora News - Virtual

Banner

Previsão do Tempo

Cambio

Login